---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Prefeitura, Polícia Militar e Civil alertam comunidade com Campanha Maio Amarelo

Publicado em 17/05/2018 às 11:59 - Atualizado em 17/05/2018 às 11:59

Na próxima segunda-feira (21), acontecerá o lançamento da Campanha Maio Amarelo em Xanxerê. A ação será realizada na Escola Municipal Pequeno Príncipe, no Bairro Tonial e seguira nas demais unidades, bem como nas escolas estaduais e particulares.  A programação terá inicio às 10h30min, contando com a presença do prefeito Avelino Menegolla, secretária de Educação Claudia Fávero, Polícia Militar e Civil, e Departamento Municipal de Trânsito, que vão orientar as crianças sobre os cuidados no trânsito.

O Movimento Maio Amarelo 2018 busca a visibilidade da comunidade, abordando o tema “Nós somos o trânsito”. Com o objetivo de auxiliar na realização das Barreiras/Blitz, atividade que envolve e auxilia na realização de Blitz com abordagem dos usuários das vias públicas e orientação. Para evidenciar a campanha serão distribuídos outdoors às margens das principais vias da cidade, faixas com slogan, colocação de banners em toda a rede escolar e nas instituições parceiras do município.

De acordo com o capitão da Polícia Militar, Vilte dos Santos, é necessário dar uma atenção maior para os acontecimentos no trânsito.

- O trânsito é feito de pessoas. Daí a importância e urgência do tema do Movimento Maio Amarelo deste ano. A campanha oficial é um alerta para que não nos esqueçamos de que por trás do aspecto frio do trânsito há pessoas - disse.

 

Dados sobre acidentes de trânsito

De acordo com os dados do Sistema Datasus, compilados pelo Observatório Nacional de Segurança Viária,  entre 2011 e 2015, foram registradas no país cerca de 210 mil mortes em acidentes de trânsito, o que corresponde a cinco mortes por hora, ou uma morte a cada 12 minutos. Dessa forma o foco das atividades deve se ajustar para a redução das vitimas de trânsito.

Um dos primeiros passos é conseguir a mobilidade urbana, proporcionando mais segurança, humanidade e respeito no trânsito, mas para que isso ocorra é necessário o envolvimento de toda a comunidade.

- Motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres podem contribuir para que o trânsito mate menos pessoas e deixe menos vítimas permanentemente, basta respeitar as leis de trânsito - acrescenta.

A expectativa é que a comunidade responda de forma rápida e positiva as ações desempenhadas.

- O mês de maio é muito importante por concentrar as ações de conscientização. Porém, esse é um trabalho que não pode se encerrar com o término do mês, mas sim, que deve prosseguir com a frequência e importância que o assunto merece - finaliza Vilte.